Você esta em

Notícias

CRO/RS E CRF/RS BUSCAM CONCILIAR RELAÇÃO ENTRE PROFISSIONAIS

O conselheiro do CRO/RS, Márcio Redmann, acompanhado do CD Mário Silveira, esteve reunido com o presidente do Conselho Regional de Farmácia (CRF/RS), Maurício Schuler Nin, para debater questões referentes às restrições indevidas que farmacêuticos têm colocado sobre as receitas prescritas por cirurgiões-dentistas.

Uma nota técnica conjunta deverá ser elaborada pelas Autarquias buscando esclarecer critérios técnicos à prescrição, manipulação e dispensação das receitas.

Redmann lembrou que há casos em que o programa virtual de receitas das farmácias só aceita registro médico, excluindo o receituário fornecido pelo cirurgião-dentista. Os conselheiros entregaram artigos sobre uso de hormônios na Odontologia, material obtido junto à ANS, além de relatório de fármacos utilizados na Odontologia. Profissionais têm denunciado casos em que o farmacêutico solicitou o Código Internacional de Doenças (CID) ao paciente, atitude que desrespeita princípios éticos da área da saúde.

De acordo com Redmann, é importante que as duas profissões estejam alinhadas. “O entendimento é necessário para que não haja prejuízo ao paciente devido um impasse burocrático”, ressalta o conselheiro.

Conforme o CD Mário Silveira, os casos têm sido recorrentes em farmácias de manipulação, que não vêm aceitando prescrição de substâncias comuns na Odontologia, por desconhecer a legislação vigente. “CRO equivale-se ao CRM perante a lei”, reforçou Mário.

Compartilhe!

Receba nossa Newsletter cadastre-se.